A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) reduziu de 16 para 12 anos a idade mínima para receber a vacina da Pfizer contra a Covid-19. O Ministério da Saúde, por enquanto, inclui apenas maiores de 18 anos no plano de imunização contra a doença.

>> Receba gratuitamente em seu whatsapp notícias de Goiás sobre vacinação, Covid-19, decretos e outras informações relevantes. Clique. <<

Os Estados Unidos já tinham aprovado o uso da vacina para adolescentes com 12 anos ou mais em 10 de maio. O laboratório pediu a autorização para ampliar o público no Brasil três dias depois, mas a Anvisa pediu mais informações.

Agora, a agência concluiu que estudos da Pfizer “indicaram a segurança e eficácia da vacina para este grupo”. O imunizante foi o 1º a obter o registro definitivo junto à Anvisa.

A vacina tem eficácia de 91,3% após 6 meses da aplicação da 2ª dose.

PFIZER NO BRASIL

Recentemente, a Anvisa atendeu a um pedido da farmacêutica e flexibilizou regras de armazenamento do imunizante, o que permitiu sua aplicação fora das capitais brasileiras.

O governo brasileiro comprou 200 milhões de doses da vacina. Mais 2,4 milhões devem ser entregues até o final desta semana, totalizando 5,8 milhões de unidades.

Pesquisa do PoderData indica que 14% das pessoas prefere tomar o imunizante da Pfizer do que outras vacinas disponíveis. Foi a menos citada do levantamento.