No começo de julho, o epidemiologista Pedro Hallal foi a Brasília apresentar os resultados da terceira fase da Epicovid, a pesquisa nacional que tentava descobrir quantas pessoas haviam sido de fato contaminadas pelo coronavírus no país, entre outros aspectos da doença. O estudo mostrou também que a taxa de infecção entre os indígenas era a maior entre os grupos de c...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários