O advogado Adelúcio Lima Melo, suspeito de mandar matar o também advogado Hans Brasiel da Silva Chaves, de 31 anos, dentro do próprio escritório, em Aruanã, no último dia 6 de fevereiro, foi preso na manhã desta quarta-feira (26), na mesma cidade. A Polícia Civil (PC) também cumpriu mandados de busca e apreensão em endereços ligados ao investigado. Adelúcio já é o...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários