Um adolescente de 12 anos confessou ter assassinado a menina Raíssa Eloá Caparelli Dadona, de 9 anos. Ele admitiu ter matado a garota sozinha em depoimento prestado ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no Centro de São Paulo, na madrugada desta terça (1º). As informações são do G1. Raíssa foi encontrada morta, amarrada em uma árvore por uma co...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários