Um jovem de 18 anos foi imobilizado, torturado e morto por um colega de alojamento dentro do Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) de Goiânia, no Conjunto Vera Cruz, na madrugada desta terça-feira (11). O registro é o segundo de homicídio que acontece na unidade em um prazo de cinco dias. A Polícia Civil, que investiga os casos, fala que não há indícios de relação entr...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários