Doutor em Antropologia Social e autor de estudo sobre o impacto do amianto fala sobre o que mais o surpreendeu  1- O que mais o surpreendeu em seu estudo? Foi o fato de que no contexto minaçuense de mineração e beneficiamento do amianto foi negado a muitos trabalhadores adoecidos o reconhecimento médico e legal de suas doenças asbestos relacionadas, as doenças do am...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários