O ministro da Economia, Paulo Guedes, colocou panos quentes na discussão sobre modificações na cobrança do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) de combustíveis. O auxiliar do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse ontem, durante o Fórum de Governadores, que alterações na legislação serão feitas apenas na reforma tributária. O tema gerou ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários