A Companhia de Desenvolvimento Econômico de Goiás (Codego) não autorizará a alienação de áreas vendidas para empresários ou a utilização destes imóveis como hipotecas até que seja elaborado um novo estatuto com regras objetivas para que estas operações sejam realizadas. A expectativa do presidente da instituição, Pedro Sales, é que o novo regulamento esteja pronto em um mê...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários