A Comissão de Constituição Justiça e Redação (CCJ) da Câmara de Goiânia aprovou nesta sexta-feira (8) projeto de resolução, apresentado pela mesa diretora, que aumenta de R$ 62 mil para R$ 78 mil a verba disponível para contratação de pessoal em cada gabinete. Além disso, o texto cria a possibilidade de servidores efetivos cedidos à Câmara receberem gratificação de até R$ 7,9 m...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários