O governador Ronaldo Caiado (DEM) pediu, durante audiência pública no Supremo Tribunal Federal (STF) ontem, que ações relacionadas à Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) e outros processos de interesse dos Estados sejam julgados o mais rápido possível. Caiado argumentou que as definições são necessárias para que os governadores tomem decisões em relação a políticas fi...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários