O novo comandante do Exército, Edson Leal Pujol, defendeu que os militares devem ficar fora da reforma da Previdência a ser apresentada pelo governo Jair Bolsonaro. Ele destacou que os militares não fazem parte do sistema previdenciário e possuem “situação diferenciada”.“Primeiro ponto, que é constitucional, os militares não fazem parte do sistema previdenciário, c...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine O Popular!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários