O deputado federal Waldir Soares (PSDB), conhecido como delegado Waldir, diz que estava fazendo “a proteção dos ratos” que foram soltos hoje no plenário da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras durante depoimento do tesoureiro do PT João Vaccari Neto. O tucano, que na hora do tumulto segurou um dos cinco ratos, foi acusado pelo deputado Jorge Solla (PT-BA) d...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine O Popular!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários