Um tribunal britânico condenou, nesta sexta-feira, 13, à prisão perpétua, passível de revisão após 25 anos, um homem que incitou ao assassinato do príncipe George da Inglaterra quando ele estava na creche. Husnain Rashid, de 32 anos, usou uma conversa na plataforma de mensagens Telegram, em outubro de 2017, para pedir a seus interlocutores que atentassem contra...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine O Popular!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários