O primeiro-ministro da França, Édouard Philippe, anunciou hoje (4) a decisão de suspender por seis meses o aumento no preço dos combustíveis, como forma de conter os protestos do movimento "gilets jaunes" (coletes amarelos, na tradução). Há três semanas, milhares de franceses protestam pelo país contra o preço dos combustíveis. Os coletes amarelos, itens obrigatórios de seg...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine O Popular!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários