Magazine

Alívio da dor conquista pacientes

Sebastião Nogueira
Empresária, Cleunice Cândido Carvalho, 51, sofria com fortes dores na coluna e consegue alívio com a técnica

A empresária Cleunice Cândido Carvalho, de 51 anos, encontrou nas sessões de quiropraxia a solução para as dores que sentia devido à tendinite e bursite. “Foi o método mais rápido e eficiente entre tantos outros que tentei”. Hoje ela divulga a técnica para amigos e familiares que sofrem com a dor. Para Cleunice, só quem vive as limitações de uma dor crônica pode entender a importância de encontrar um alívio quase imediato. “Já fui parar em pronto socorro sem conseguir me mover, não conseguia fazer movimentos simples para limpar a casa, por exemplo”, conta a empresária, que há um ano e meio diz não sentir dores.

A grande força da quiropraxia está justamente no depoimento de quem se beneficiou com a técnica. Cerca dois terços das pessoas enfrentam dores significativas nas costas em algum momento de suas vidas. Para elas não importam muito o fato da ciência não ter concluído de que maneira a manipulação das articulações funciona, na prática, para reduzir a dor. O que elas querem é se livrar do sofrimento após os movimentos rápidos e precisos para tirar pressões nas articulações após uma sessão da técnica.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.