Atualizada às 19h35 Dois detentos do Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia são apontados pela Polícia Civil como os chefes de uma quadrilha especializada em roubo, receptação, adulteração de sinal identificador de veículos, falsificação de documentos e tráfico de drogas. Em ação da Operação Migração 2, realizada nesta quinta-feira (6) pela Delegacia Estadual ...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine O Popular!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários