Uma mulher foi presa hoje (10), tentando vender medicamentos sem receita no Residencial Orlando de Moraes, em Goiânia. A suspeita é que os medicamentos são contrabandeados do Paraguai. Após denúncias, equipes da Polícia Militar (PM) foram até a casa da mulher apurar o caso. A suposta dona dos medicamentos informou aos policiais que os remédios revendidos eram compra...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine O Popular!
QUERO SER ASSINANTE

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários