Uma fisioterapeuta de 32 anos registrou ontem em uma delegacia de Goiânia que foi vítima de crime contra a dignidade sexual praticado por João de Deus. A vítima alega não se lembrar a data exata, mas acredita que tenha sido entre 2009 e 2011. O relato da mulher ao POPULAR segue a linha dos divulgados pelo grupo Globo, em reportagens da revista Época, o jornal O Globo ...
Faça o seu cadastro e acesse até 05 matérias exclusivas por mês gratuitamente.
ou
Aproveite todo o conteúdo do site de forma ilimitada!
Assine O Popular!
QUERO SER ASSINANTE
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários