A arquiteta e urbanista Maria Ester de Souza, conselheira do Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Goiás (CAU-GO), explica que o próprio sentido de cidade é baseado na convivência, inclusive com estranhos e com o que é urbano. Sem isso, empobrece a cidade, ainda mais quando existe o espaço do equipamento, que não é construído. “Quando o bairro é desenhado, se resolve a ur...
Leia todo conteúdo do site de forma ilimitada e gratuita até 04 de junho.

Após essa data, voltaremos ao acesso de 05 matérias exclusivas por mês.
Aproveite agora!
ou

Garanta sua Assinatura com um Desconto Especial!


QUERO SER ASSINANTE

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários