As novas medidas de contenção da pandemia de Covid-19 em Goiânia, que passam a valer a partir desta quarta-feira (14), vão manter a maior parte das atividades econômicas funcionando como foi nos últimos 14 dias. A principal diferença é com relação aos fins de semana, em que apenas as atividades consideradas essenciais vão poder abrir, assim como os cultos religiosos. O Paço Municipal chegou a discutir e a apresentar horários mais restritos aos representantes do setor empresarial da capital, mas, de última hora, decidiu manter o tempo de funcionamento atual.

A proibição de funcionamento aos fins de semana atinge até mesmo as feiras livres e especiais, como a da Lua, do Sol, Cerrado, Marreta e Hippie, e os shoppings centers, bares e restaurantes. Durante reunião com o setor empresarial na tarde de terça-feira (13), os representantes questionaram a decisão e alegaram que o sábado era o melhor dia para determinadas atividades e chegaram a propor funcionar neste dia e fechar aos domingos e segundas. A proposta não foi acatada pelo Paço.

Clique aqui e veja íntegra do decreto municipal