Magazine

Colunista do POPULAR e sommelier, Breno de Faria lança livro que busca desmistificar o vinho

Arte de harmonizar e simplificar

Benedito Braga

Rodas de conversa sobre tintos e brancos podem assustar, trazendo a ideia de que o vinho é uma bebida apreciada e valorizada apenas pelo público da classe alta. O pensamento tem relação com a origem da bebida, tida como erudita e muita consumida nas cortes dos impérios. Com a intenção de desconstruir essa ideia, o titular da coluna Prato do Dia do POPULAR e sommelier Breno de Faria lança nesta terça-feira o livro Vinho, Muito Prazer!. A publicação, de linguagem acessível e organização didática, é um guia para amantes, apreciadores e curiosos e traz fichas técnicas de degustação e roda de aromas, além de um anexo com fotos de referência de cores de vinhos e ilustrações do cartunista Jorge Braga.

A ideia de Breno, além de levar informações precisas aos bons entendedores de vinho, é chegar também ao coração do degustador iniciante e mostrar que não há uma forma certa de apreciar a bebida. “O que existe é uma lista de dicas, transmitidas de geração a geração, que nos orienta sobre como aproveitar melhor os prazeres que o vinho pode oferecer. É importante destacar que ele não pode ser encarado como religião. Sua apreciação não é um culto com regras fixas de liturgia, mas as escolhas precisam vir acompanhadas de conhecimento”, pontua.

Segundo o autor, 90% das pessoas que tomam vinho optam pelo rótulo indicado pelo maître, garçons ou amigos. Breno defende que é preciso conhecer os tipos, as variações e os métodos de produção para, só depois, avaliar a qualidade da bebida. “No livro temos uma capítulo inteiro sobre degustação técnica. Não estamos falando de paladar e sim de uma avaliação consistente que difere um vinho bom de um ruim.”

Breno levanta ainda a bandeira de que vinho é prazer e diversão e que, por isso, deveria ser consumido em maior quantidade, por diferentes públicos. Segundo o Instituto Wine, em 2014 o consumo per capita de vinho no Brasil foi de apenas 2 litros por habitante por ano. Nossos vizinhos Chile e Argentina consumiram 17,46 litro e 23,46 litro respectivamente. Dentre os países do Velho Mundo, os campeões são França, com 42,51 litro, Portugal, com 41,74 litra e Itália, com 33,30 litro.

Apaixonado por vinhos e destilados, o médico goiano decidiu levar o hobby à sério e em 2002 formou-se na Associação Brasileira de Sommeliers. Há 15 anos, é crítico gastronômico do POPULAR. A partir das 20 horas, ele recebe convidados no restaurante Kabanas, do Shopping Flamboyant, para a noite de autógrafos. Depois do lançamento, o livro - que leva o selo da DOC Content Rio de Janeiro - poderá ser encontrado na Livraria Leitura.

 

Livro: Vinho, Muito Prazer!

Autor: Breno de Faria

Lançamento: Amanhã (20), às 20 horas

Local: Restaurante Kabanas. Flamboyant Shopping Center (Av. Dep. Jamel Cecílio, Jardim Goiás)

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.