Esporte

Sobre futuro, Alan Mineiro diz: "acredito que devo ficar no Vila"

Apesar da declaração, camisa 10 não descarta saída do Tigre e admite que "sonho de qualquer jogador é jogar Série A"

Cristiano Borges
Alan Mineiro é o artilheiro do Vila Nova na Série B e na temporada, com 7 gols

O Vila Nova saiu do G4 da Série B e agora o torcedor fica preocupado com outra possibilidade de saída. A de Alan Mineiro do Tigre. O camisa 10 caiu nas graças dos colorados e atualmente é o artilheiro do time na Segundona e na temporada, com 7 gols marcados. Mas o assédio do Botafogo e de outros clubes, que gostariam de contar com o futebol do jogador, deixa a alerta ligado. Nesta segunda-feira (17), o jogador disse que deve ficar no clube goiano, mas não chegou a refutar uma eventual saída.

"Não vou mentir que não estou sendo assediado. Mas meu pensamento é aqui no Vila. Enquanto estiver jogando e treinando, vou dar o melhor. Meu futuro eu não sei, mas acredito que devo ficar no Vila, sim", avisou o jogador. "O sonho de qualquer jogador é jogar Série A. Porém, vou viver meu momento e meu futuro deixar nas mãos de Deus", completou o meia vilanovense.

Alan Mineiro, de 29 anos, está no Vila Nova emprestado pelo Corinthians. Até agora, disputou 13 partidas pelo colorado, nas quais marcou 7 gols. O jogador fez questão de dizer que se sente em casa em Goiânia. "Estou muito feliz aqui. Desde que cheguei, fui bem recebido, me sinto em casa."

Enquanto seu empresário e o diretor de futebol do Vila, Felipe Albuquerque, lidam com o assédio ao jogador, Alan Mineiro garante que tenta se manter focado apenas o que faz em campo. "Não deixo isso me atrapalhar. Sou ser humano e essas coisas mexem com o jogador. A gente pensa no futuro, na família. Mas estou procurando esquecer", garantiu.

O Vila Nova tem desafio fora de casa nesta terça-feira (18). Na Arena de Pernambuco, pega o Santa Cruz, a partir das 20h30, pela 15ª rodada da Série B. O Tigre é o 5º colocado, com 23 pontos.

 

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.