Economia

Chile anuncia paralisação de importações de carne do Brasil

Ministro da Agricultura chileno afirmou que 30% dos produtos do ramo que são importados vêm do Brasil; interrupção é temporária

Claudio Reis

O governo do Chile, por meio do Ministério da Agricultura, anunciou nesta segunda-feira a interrupção temporária de suas importações de carne do Brasil. De acordo com o ministério, a intenção é obter do País informações sobre se há frigoríficos autorizados a exportar para o Chile entre os alvos de suspeita na Operação Carne Fraca da Polícia Federal.

"O Ministério de Agricultura anuncia o fechamento do mercado brasileiro de carne bovina até ter detalhes sobre o eventual impacto nas importações dessa origem", afirmou a pasta no Twitter, enfatizando que a paralisação é temporária, até obter mais informações sobre o assunto.

O ministro da Agricultura chileno, Carlos Furche, disse à imprensa local que o governo analisa desde o sábado os impactos da investigação no setor no Brasil. Furche informou que 50% da carne consumida no Chile é importada e que, entre as carnes compradas do exterior, cerca de 30% são do Brasil. Segundo a autoridade, havia até o momento 52 frigoríficos de diferentes empresas com autorização para exportar ao Chile.

Lembrando que a Europa também exigiu que produtos de todas as empresas envolvidas no escândalo sejam barrados, veja a matéria completa aqui.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ