Cidades

Soldado da PM morre ao ser baleado por sargento durante ação policial

Amigos organizaram uma campanha e arrecadaram R$ 7 mil para ajudar família da vítima com as despesas

O soldado Kenedy Campos da Costa, de 25 anos

O soldado Kenedy Campos da Costa, de 25 anos, morreu após ser baleado ao abordar um sargento da Polícia Militar na noite do último sábado (17), em Cuiabá. Amigos e familiares conseguiram mais de R$ 7 mil para translado e velório do corpo da vítima.

O soldado checava uma denúncia de assalto, quando abordou o sargento que o confundiu com um bandido e atirou. Foi aberto inquérito e o caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e também pela Corregedoria Geral da Polícia Militar (PM).

A família de Kenedy é de Primavera do Leste, a 239 km de Cuiabá, e viajou até a capital para preparar o velório e translado do corpo. O valor passaria das despesas seria de R$ 5 mil e sensibilizou os colegas da vítima, que organizaram uma campanha de arrecadação de dinheiro. Por fim, foram arrecadados mais de R$ 7 mil.

Antes de ser levado para a cidade do interior, o soldado foi velado por duas horas na noite de domingo (18), na sede do Comando-Geral da PM em Cuiabá. A previsão é que o enterro tenha ocorrido na tarde desta segunda-feira (19).

Kenedy deixou uma filha de 5 anos. O soldado entrou para a Polícia Militar de Mato Grosso em 2015 e tinha concluído o curso de formação há 9 meses.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.