Cidades

Pastor pede doação de R$ 3 milhões mensais a fiéis para bancar canal de TV

Ele convocou 3 mil fiéis para que eles doem um valor de fixo de R$ 1 mil por tempo indeterminado

Reprodução/Facebook

Cerca de 3 mil fiéis foram convocados pelo pastor evangélico Agenor Duque, fundador da Igreja Plenitude do Trono de Deus, para serem doadores de R$ 1 mil fixos por mês por tempo indeterminado. Com isso, a arrecadação ficaria em R$ 3 milhões mensais.

Segundo as pregações do pastor, a intenção é juntar um valor suficiente para criar um canal aberto de televisão e um espaço em rádio. Agenor Duque, porém, está na programação da Rede do Bem TV, canal 14, transmitido em UHF.

A mesma estratégia foi utilizada pelo seu colega, Valdemiro Santiago, líder da Igreja Mundial, no ano passado, de onde Duque saiu em 2006 para fundar sua própria igreja. Apesar de ter tido sucesso em sua campanha, Santiago acabou perdendo o espaço que tinha no canal Ideal (também UHF), cuja concessão pertence ao grupo Spring (dono da revista "Rolling Stone"). O canal Ideal acabou nas mãos de Edir Macedo.

Devido à concorrência de outras igrejas, que eleva o preço dos horários nas TVs, Duque não tem conseguido entrar na TV aberta comercial. Os dois não conseguem competir com o poderio econômico da Igreja Universal, que tem comprado praticamente todos os horários disponíveis e canais na TV aberta (como o 21, da Band).

Não há uma estimativa oficial de quantos fiéis a igreja Plenitude possui no País. A igreja estima ter 30 mil seguidores só em São Paulo. Não é incomum que o pastor atraia 7.000 pessoas em seus cultos.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.