Cidades

Médico diz que menina não reagiu à cirurgia

Vítima de um tiro na cabeça, garota continua internada na UTI do Hugoem estado gravíssimo

  Continua gravíssimo o estado de saúde da menina Kerolly Alves Lopes, de 11 anos, atingida no sábado por dois disparos efetuados pelo comerciante George Araújo de Souza, de 24, dono da Pizzaria Saborear, na Vila Alzira, em Aparecida de Goiânia. Na manhã de ontem, em entrevista coletiva, médicos do Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo) afirmaram que Ke...
Matéria exclusiva para assinantes
Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.