Cidades

Mãe e filhas agridem tia, alegando que vítima tinha caso com marido de uma delas

Mulheres, suspeitas dos crimes de agressão, injúria e roubo foram presas em Rio Verde, no sudoeste de Goiás

Reprodução/TV Anhanguera
Mulher, de 42 anos, mostra marcas de agressões, que teriam sido feitas pelas sobrinhas e a mãe delas

As irmãs Graziele Martins dos Santos, de 30 anos e Marluce Martins dos Santos, de 28 anos, além da mãe delas, Maurilane Martins de Oliveira, de 47 anos, foram presas em Rio Verde nesta quinta-feira (22), suspeitas de terem agredido a tia, de 42 anos. O crime ocorreu  em Rio verde, região sudoeste de Goiás. Segundo informações da Polícia Civil (PC), as agressões foram motivadas porque o trio acreditava que a parente tinha um caso com o marido de Graziele. 

A delegada Jaqueline Camargo contou à TV Anhanguera que a mulher teria caído em uma emboscada. "A Graziele suspeitava que a vítima tinha um caso com o marido dela e, em virtude,  disso teriam  (a) convidado para ir à casa dela (Graziele), no dia 9", explicou. As familiares teriam convívio muito próximo. A tia disse à polícia que não suspeitou que, assim que saísse do carro, seria jogada no chão e se tornaria alvo de socos e pontapés. 

Em um áudio divulgado pela PC, uma das mulheres  afirma que as agressões foram insuficientes para castigar a vítima. "Ela merece isso e tem sorte de não ter feito mais. Ela apanhou pouco", frisou. O crime só passou a ser investigado depois que o irmão da mulher, de 42 anos, denunciou a situação para a polícia. 

As suspeitas devem responder por agressão, injúria e roubo. Elas obrigaram a vítima a confessar a suposta traição em um vídeo, utilizaram a naturalidade -  a mulher é natural do Nordeste  - para ofendê-la e levaram o celular dela. O inquérito deve ser concluído pela PC  em dez dias. 

Reprodução/TV Anhaguera
Graziele, Marluce e Maurilane, suspeitas de terem agredido parente no último dia 9
Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.
ASSINE JÁ