Cidades

Evento reúne especialistas em câncer de mama e de próstata

Encontro promovido pelo Grupo Jaime Câmara vai discutir formas de prevenção de tipos da doença que mais preocupam homens e mulheres

Antônio de Morais Júnior, presidente da Sociedade Brasileira de Urologia – Seccional Goiás e titular especialista em urologia
Antônio Eduardo Rezende de Carvalho, titular especialista em Mastologista pela Sociedade Brasileira de Mastologia e Associação Médica Brasileira

Formas de prevenção do câncer de mama e do câncer de próstata serão discutidas em um bate-papo hoje à noite com dois médicos especialistas nos assuntos. O encontro com o tema “Câncer, vamos falar sobre isso” será o primeiro de vários eventos para discutir temas relevantes para a sociedade em jornadas promovidas pelo Grupo Jaime Câmara. As inscrições podem ser feitas pelo site do POPULAR.

A incidência das doenças tem preocupado autoridades de saúde, que alertam para números alarmantes de novos casos. Segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca), a previsão é de 57 mil diagnósticos de novos casos de câncer de mama até o final de 2016. Já os casos de câncer de próstata podem chegar a 61 mil novos casos. Os casos desse tipo de câncer cresceram 400%.

Um dos médicos que vai conversar com os participantes na noite de hoje, Antônio Morais Júnior é urologista e afirma que o preconceito com o exame de toque ainda é o maior empecilho para o diagnóstico precoce. Ele alerta que, quanto mais cedo for descoberta a doença, maior a chance de cura. “A cada 40 minutos, um homem morre por causa dessa doença.”

O mastologista Antônio Eduardo de Carvalho vai falar sobre o câncer de mama. Essa doença teve o número de registros triplicado no último ano, segundo dados de estudo publicados no “JAMA Oncology”, que é um centro internacional de estudos, prevenção e tratamento do câncer. Essas duas doenças ficam atrás apenas dos problemas cardiovasculares.

O encontro desta noite tem a intenção de ajudar a população a entender essas doenças e orientar formas de promoção do diagnóstico precoce, além de como cuidar da saúde. A campanha visa promover a conscientização do casal unindo as duas maiores jornadas contra a doença no País: o Outubro Rosa e o Novembro Azul. O evento tem entrada gratuita.

O Outubro Rosa e o Novembro Azul são campanhas que buscam conscientizar e alertar para a necessidade de se fazer os exames preventivos dentro das previsões médicas. Homens, por exemplo, devem fazer o exame de toque retal pelo menos uma vez ao ano a partir dos 50 anos de vida. Se houver casos de doença na família, o exame deve ser feito a partir dos 45.

O médico Antônio Morais reforça que apesar da restrição de boa parte dos homens, o procedimento dura cerca de dez segundos e não viola a masculinidade. É um procedimento que pode diagnosticar a doença e salvar a vida do paciente.

“O câncer de próstata é silencioso e quando chega a apresentar sintomas já está em fase avançada. Nos casos de metástase, acomete ossos e coluna, principalmente”, alerta Morais.

No caso das mulheres, a orientação é fazer o autoexame da mama com frequência e procurar um especialista para exames anuais específicos a partir dos 40 anos de idade. No evento desta noite, a intenção dos profissionais é apresentar os assuntos com linguagem simples e próxima dos participantes.

Comentários
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.